22 de jun de 2008

Sex And The City e ... Futilidades

Achei interessante esse artigo do Cena Aberta, me identifiquei . Ainda não vi Sex and The City versão telona, pois nunca tive interesse em acompanhar a série na tv . Acho um tanto fútil e somente vi  poucas  cenas de  alguns  episódios , não  achei interessante o  bastante  para  ver   mais . Entretanto adoro uma comédia romântica , por isso estou com vontade de ver o filme . Depois dessa recomendação do "Cena Aberta"  e  de  amigos que  assistiram e  gostaram ,  fiquei curiosa e vou conferir.

***

" Eu sei que esse post não vai dar "audiência", mas isso não é tudo para mim. Não posso deixar de escrever coisas que julgo bacanas para viver visando somente comentários, muitos comentários... Acabo de terminar minha maratona Sex And The City. Minha história com essa série é antiga, e, somente hoje, anos depois de ela ter início, chega ao fim. Comecei a seguir o dia a dia de Carrie e suas amigas através do finado Canal 21.

Sempre ouvi falar muito sobre a série e tudo mais, suas polêmicas e seu grande sucesso, mas nunca havia tido a oportunidade de seguir. Até que me deparei com a exibição diária no 21, e isso quando já havia sido cancelada. Aí eis que o canal 21 deixa de existir e entra a Play TV, que deu continuidade por algumas semanas, mas depois deixou de lado. Deu acho que pra ver algumas temporadas, mas nada mais que isso. Meses depois entra na grade do meu pacote o Fox Life, apenas por um mês. E foi durando, durando, até que começaram a passar Sex. Falei "epa, agora vejo até o fim". No dia seguinte cortaram o sinal do Fox. Fuck it. Mas viria outra frustração. A revista Contigo lançou uma promoção da série, que vinha uma revista e um DVD. Pronto, uma luz no fim do túnel. Que nada. Lançaram DVDs apenas da primeira e segunda temporada, e eu fiquei "de ar" novamente. Entro em contato com a Contigo e diziam estar negociando com a produtora novos DVD´s, mas nunca saiu disso.

Até que acessei a Americanas.com e havia uma promoção dos DVD´s. Era a hora. O filme iria estrear no cinema e eu precisava saber o "happy and" da série versão TV para depois ver a versão "telona". Precisei contar tudo isso porque foi uma verdadeira aventura chegar até aqui - e eu quase não gosto de escrever. Muitos acham Sex muito fútil, falando de moda, Dior, Chanel, Manolo Blanick, e bla bla bla. Ah, e porque a série tinha muito sexo. Eu não via por isso. Aprendi muita coisa, mesmo porque, como jornalista, vivo questionando a vida e as coisas, assim como Carrie. Além do mais, eu adoro uma comédia. E há muito tempo eu não ria tanto como ri neste final de semana, ao fazer uma maratona com a season finale, a temporada seis. Muito bom, muito bom mesmo, a melhor, mais divertida e mais emocionante de todas. Miranda descobriu o amor. Samantha aprendeu a amar. Charlote amou e teve muitos filhos. Carrie finalmente ficou com o John, the Big.

Quatro anos se passaram e a série continua atual, viva, e, acima de tudo, um sucesso como pouco se vê. Por mais que Friends, outra série que eu amo de paixão, tenha feito estrondoso sucesso em suas dez temporadas, não se fala tanto como se falou sobre Sex and the City. Depois desse curto período de tempo, Sex e Sarah Jessica continuaram na mídia. E, pelo jeito, não deixarão os holofotes tão cedo. Agora, só me resta ver o filme. E vocês, vocês que não gostam da série, bocejarem com esse longo texto. But, that´s life. Quem ainda não viu, recomendo. "

Fonte: Cena Aberta


***


P.S. Assisti Sex And The City e gostei . O filme é divertido , com cenas picantes e o melhor... os gatos são lindos , de tirar o fôlego !  :))

* post reeditado

***

Nenhum comentário: